Santos ganhará uma incubadora para projetos culturais

01

Santos ganhará em abril uma incubadora cultural, como há no Rio de Janeiro, desde 2002 pelo Instituto Gênesis da PUC. Dessa vez, a parceria do Poder Público sera com o Sebrae de São Paulo. Em fase de detalhamento, o projeto santista já vem sendo desenhado pela Secretaria de Cultura de Santos (Secult), desde janeiro. Confirma Raul Christiano: “No próximo mês, será definido o local para abrigar a incubadora, considerada um importante passo para estimular a economia criativa”.

Após ser selecionado, o incubado contará com um sistema profissional de acompanhamento. A agêcia paulista ajudará os pequenos empreendedores a transformar projetos culturais em bons negócios por meio de um ambiente favorável para o início das suas operações, reduzindo seus obstáulos e aumentando as chances de se consolidar no mercado. Da mesma forma, a incubadora formará mão de obra voltada para atender equipamentos culturais da Prefeitura: nos quadros da Secult, não existe eletricista especializado em iluminação de palco ou profissionais da áea de cenografia, sonoplastia, etc

“Neste ambiente de estímulo ao empreendedor, com ferramentas do Sebrae, será desenvolvida capacitação ténica, treinamento em gestão empresarial, formalização jurídica, assessoria no desenvolvimento de projetos, consultoria e organização de ações para apresentação dos projetos a investidores em geral, alé de outras necessidades que complementem a natureza dos empreendimentos envolvidos”, explica Raul Christiano. Em março está previsto para ser lançado um edital de convocação para empreendimentos culturais. Na ocasião haverá o detalhamento das regras, como tempo de incubação, entre outras informaçõs. A intenção do comunicado é atrair quem esteja no mercado e já possui uma estrutura de trabalho inicial, mas precisa se aperfeiçoar para crescer: artistas, produtores, grupos, entidades e empresas com propostas na áea de atuação cultural.

Para o titular da pasta, a instalação da incubadora refletirá na geração de novos postos de trabalho. Para melhorar o futuro cenário econômico dos projetos que sairão da incubadora, em outra frente, a Prefeitura vai tirar da gaveta o processo de regulamentação da Lei Geral da Micro e Pequena Empresa no município. “A intenção é oferecer um ambiente para ter benefícios fiscais e tributários. É fundamental darmos esse passo”.

*Jornal A Tribuna/Foto: Alexsander Ferraz

Anúncios

Um pensamento sobre “Santos ganhará uma incubadora para projetos culturais

  1. Formar mão de obra é essencial mas oferecer mecanismos de mercado para fomentar as atividades culturais é lastimável. Já está mais do que provado que o mercado não tem capacidade de assimilar propostas e projetos culturais que não tenham como objetivo a produção de mercadoria e mesmo assim quase todas produções mercadológicas só se viabilizam graças a mecanismos de renúncia fiscal.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s