Mitos e cordel inspiram ‘A Donzela Guerreira’ no Sesi Santos

No sábado (21/jul), às 20h, o Teatro do Sesi (Av. Nossa Senhora de Fátima, 366/Santos) apresenta gratuitamente a peça ‘A Donzela Guerreira’. A montagem, desenvolvida pela Cia. Mundu Rodá de Teatro Físico e Dança, é uma das 14 selecionadas para compor a primeira temporada do Viagem Teatral 2012. O espetáculo foi concebido e dirigido por Jesser de Souza, que também assina o texto com Alício Amaral, Juliana Pardo e Suzi Frankl Sperber.

A peça mostra a história de uma jovem que se disfarça de homem para representar o único filho varão da família e assumir o lugar de seu velho pai na convocação para a guerra. Como soldado, ela apaixona-se por seu Capitão e este por ela. Sem revelar sua verdadeira identidade, Donzela e Capitão travam suas próprias batalhas, colocando a prova seus princípios, sentimentos e desejos. A apresentação fragmentada em pequenos trechos potencializa a reflexão sobre a importância do gênero e amor, em uma abordagem ampla e aberta, convidando o espectador a preencher as lacunas e criar sua própria interpretação.

O universo dramático da personagem Donzela é conhecido e recorrente em muitas culturas e civilizações, não apenas na literatura dita como oficial, como por exemplo, a Diadorim de João Guimarães Rosa, mas também na de cordel, como a guerreira Teodora, nos muitos romances de tradição oral, na mitologia e na História. ‘A Donzela Guerreira’ é fruto da parceria realizada pelo grupo Lume Teatro e Cia. Mundu Rodá de Teatro Físico e Dança, que desenvolveu a união entre técnicas teatrais com Danças Tradicionais Brasileiras utilizadas no espetáculo.

Cia. Mundu Rodá. Ao longo de seus 11 anos a Cia. Mundu Rodá de Teatro Físico e Dança (SP), fundada pelos artistas Juliana Pardo e Alício Amaral, vem construindo uma linguagem cênica própria a partir da observação, do contato e do diálogo com as Danças Tradicionais Brasileiras e o Trabalho do Ator/Músico/Bailarino.

A riqueza oferecida por estas manifestações tradicionais reside na combinação estrutural do teatro, da dança e da música em suas formas expressivas. A partir de pesquisas e experiências, em viagens e com artistas de diferentes áreas, a Cia. trabalha na criação de uma metodologia de preparação e encenação do artista intérprete que dá destaque às corporeidades brasileiras.

As pesquisas desenvolvidas pela Cia. Mundu Rodá são objetivadas na elaboração e organização de novas formas de construções corporais integradas ao canto e a música, ao teatro e a dança, dialogando com a tradição e a inovação, trilhando um caminho para a elaboração de um treinamento técnico que contribua na formação de atores e bailarinos, e esboçando a criação de novas formas de expressões contemporâneas da arte brasileira.

*Cia Mundu Rodá/Sesi Santos

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s